sexta-feira, julho 27, 2007

Ouro a ouro

- Que bela briga, hein?

- A do James Dean Pereira, no boxe?

- Não, não. No quadro de medalhas. Briga entre Brasil e Cuba. Tête-a-tête. Corpo a corpo.

- Pois é. Está pau a pau.

- Mas, tem uma coisa eu não entendo...

- O quê?

- Quantos habitantes Cuba tem?

- Tem 11 milhões.

- E o Brasil?

- 180.

- Milhões!?

- É.

- Ué, como pode Cuba, com 11 milhões de pessoas, ter mais medalhas de ouro do que o Brasil, que tem 180 milhões?

- Simples. O Brasil é um país pobre, de terceiro mundo. Já Cuba é um país riquíssimo. Economia muito forte, sem pobreza. País capitalizado, de primeiro mundo. Quanto mais riqueza, mais medalhas de ouro, entende?

- É, acho que entendi.

10 comentários:

Danilo Damasceno disse...

Acho dificil o Brasil terminar na frente de Cuba, so amanha eles tem seis finais no boxe, e olha que é dificil perder alguma dessas finais, hoje a diferença ja é de seis medalhas, mas cá entre nós o Brasil ja melhorou se compararmos aos Pans anteriores!Abraço ah e a Bola de Cristal ja esta postada vc sumiu do Pitacos!Vc faz falta lá!

Anônimo disse...

Hola.
usted periodicos de brazil y brasileños, tien la idiotice de chamar nosotros de hermanos.
No somos sus hermanos.
la verdad somos muy diferentes de usted.
somos superior a brasileños.

acá nostros no tiemos la idiotice de chamar usted de hermanos.

perdón la sinceridad y portuñol.
En relación la copa america, fue mucha suorte de usted brazucas.
la verdad fue MACUMBA de brasileños que no tien capacidad de ganhar en campo y apelan para un outro mundo.

Esteban Crsutille
cordoba

André Augusto disse...

Cuba não é rica desenvolvida e tal...mas Fidel tem, como um dos seus grandes méritos no país, o investimento em átras do esporte, da edudação e da saúde.
Mas o boicote econômico dos EUA os impede de ser mais prósperos...

O que eles fazem no esporte é monstruoso.E deveria servir de exemplo para nõs.

Dassler Marques disse...

Pois é Carlão, tbm nunca entendi isso. Mas enfim, é incentivo ao esporte e tradição, creio eu.

abraço :)

Zaca disse...

3 Bilhões pra reformar e construir arenas? tá bom... Só ganhram esse número de medalhas pela superação dos atletas que temos a cara de pau de chamarmos de "nossos". "Nossos" o caramba, deles e de mais ninguém!

Arthur Virgílio disse...

Mais rico e que investe alto no esporte, mesmo não dando uma vida de luxo aos seus atletas.

Totalmente o oposto do Brasil, que não tem incentivo e os poucos vencedores ostentam suas riquezas.

Zaca disse...

Olha o Joel aí gente! Vira e mexe tem algum grande carioca levando ele... pra mim ta bom quero mais é que o Flamengo caia mesmo!

gerson sicca disse...

O brasil tem q fazer tb o investimento estratégico, q é aquele que direciona para esportes q dão muitas medalhas. O brasil luta todos os jogos para ganhar uma medalha em um esporte coletivo, enqto que os cubanos empanturram-se de medalhas em uma tarde no boxe.

Vinicius Duarte disse...

Isso ocorre porque Cuba leva esporte a sério, e o Brasil não leva NADA a sério, a não ser a necessidade irrefreável de se locupletar, levar vantagem em tudo. Quem desenhou o uniforme brasileiro foi a cunhada do Nuzman, e isso custou muito mais que a verba destinada a muitos esportes; O que o Marcus Vinicius (ex-voleibolista) e seu parente ganharam nesse Pan foi, talvez, mais do que Cuba gastou com o envio da delegação. O estádio do engenhão deve ter sido superfaturado o suficiente para custear 1000 atletas por 20 anos. E por aí vai...

Vinicius Duarte disse...

Ah, e esqueci de mais uma coisinha...
Quando se olha os resultados, e se compara com a olimpíada/2004, percebe-se que nenhum ganhador de medalha nos esportes individuais conseguiria chegar às finais olímpicas com os resultados obtidos no Panamericano. São, pois, medalhas de lata. Genuínamente brasileiras, banhadas a ouro 18k.