terça-feira, outubro 21, 2008

Quando os números não dizem nada

Alguns números são importantes no futebol. O das camisas e dos sistemas táticos, por exemplo. Mas outros, que muita gente gosta de explorar e se apegar, são pura besteira.

'E agora a chance do Vasco cair subiu para 95%!'

Ah, pára. Isso é bobagem. Futebol não é ciência exata, é arte imprevisível no campo. Esse papo de matemáticos e probabilidades só serve para Oswald de Souza aparecer na tevê.

7 comentários:

Filipe Araújo disse...

onde eu assino, carlão?

Abrazo!

http://gambetas.blogspot.com

sobreofutebolcarioca. disse...

que situação do vasco.

95%, mas acho que CAI não

Vinicius Grissi disse...

Ah. Eu posso ser um chato. Mas gosto dos números. Servem para dar emoção, para aumentar a expectativa. Até para motivar os jogadores. Mas não são decisivos nem perfeitos, é verdade. Não definem nada.

Adriano Assis disse...

Os números no futebol são interessantes, mas esses não. Não tem uma representatividade, não é uma projeção, apenas uma constatação. Uma rodada e esse 95% pode virar 50%, 60% ou algo assim.

Concordo com o Carlão, esse número não quer dizer nada.

Fernando Gonzaga disse...

parabéns pelo blog Carlos...

e você tem toda a razão, pouca importa os números, mas sim o clima que vive a competição...

fique a vontade para entrar lá no meu blog...


http://fernandofut.blogspot.com/

Warley Morbeck disse...

Disse tudo. As pessoas confundem a função da estatística. TRansformam algo que deveria ser só um referencial em verdade absoluta.


Warley Morbeck
http://flamengoeternamente.blogspot.com
http://eternabola.blogspot.com

André Augusto disse...

A porcentagem subiu uns 5% depois do jogo de ontem...rs

Abs!