terça-feira, janeiro 24, 2012

Osvaldo come pelas beiradas

Quando Jadson foi contratado, publiquei a possabilidade que achava, e ainda acho, a mais indicada para o time do São Paulo. Baseado no plantel daquele instante, montei um 4-2-3-1 com Lucas e Fernandinho nas pontas.

Não vi a estreia do Paulistão, mas li que Leão escalou os camisas 7 e 12 pelas beiradas. Não sei se no 4-2-3-1 ou no 4-3-3, mas com Lucas e Fernandinho abertos pelas beiradas. Parece-me claro que o treinador entrou na onda, que muito me agrada, de jogar com dois pontas (seja no 4-2-3-1 ou no 4-3-3).

E se até ontem, entre os atletas tricolores, apenas Fernandinho e Lucas preenchiam os em tese requisitos para a posição (velocidade e habilidade), hoje o elenco conta com Osvaldo, 24 anos, ex-Ceará.



Que, ao contrário de mim, viu a partida entre São Paulo e Botafogo-SP e constatou: "Sou um jogador que cai pelos lados, gosto de colocar os companheiros nas melhores condições. Vi o último jogo e o Leão optou por dois jogadores abertos (Lucas e Fernandinho)" (globoesporte.com)

Até por que chegou agora, Osvaldo é banco. Reserva imediato dos dois ponteiros. Porém corre por fora, come pelas beiradas. Porque bola para ganhar a vaga de titular de Fernandinho ele tem.

O fato é que a carência no elenco por atacante de velocidade, de movimentação, após a saída de Dagoberto, foi suprida. Não estou comparando Osvaldo a Dagoberto, contudo houve a reposição da peça. Trabalhou direito a diretoria.

2 comentários:

Fintas para o gol disse...

Não existe uma forma de entrar em contato com o seu blog?
Queria saber se você topa trocar links com o meu

Rodrigo disse...

Também vejo enorme potencial no Osvaldo. Acho que é uma questão de tempo até ele se destacar e o técnico passar a explorar melhor suas potencialidades.