segunda-feira, outubro 11, 2010

Primeiro Carlos Eduardo, agora Elias

Em princípio imaginei que Mano iria, com Elias no lugar de Coutinho, adotar o 4-4-2 em losango, nesta segunda-feira.

No entanto ele manteve o 4-2-3-1, com o corintiano na meia central e pontas de pés opostos: canhoto (Carlos Eduardo) na ponta direita e destro (Robinho) na esquerda.



No Corinthians da Libertadores, aliás, Elias foi escalado na mesma posição, com Ralf e Jucilei de volantes, Dentinho e Danilo nas beiradas e Ronaldo na frente.

Sem Ganso, o treinador do Brasil testou primeiro Carlos Eduardo na função, contra o Irã, agora Elias, diante da Ucrânia.

O primeiro saldo que se pode tirar destes amistosos é que Mano ainda não encontrou um substituto para executar a função de Ganso.

E o segundo é que Pato é indiscutivelmente o dono da 9. Se Nilmar for brigar para ser titular, briga com Robinho, não com Pato. Sem falar que ainda tem o Neymar.

2 comentários:

Ciro disse...

carlao seus post sao muito bons
http://www.cirocoment.blogspot.com/
gente meu blog ainda é pequeno e está no começo por favor dao uma passadinha lá

Pedrim ;D disse...

Carlão.. acho que ta errado isso ai..
Ramires quase não avançou
André tbm não

O time usou 4-2-2-2
O mano até falou na intrevista