quinta-feira, novembro 27, 2008

Um a menos no campo, um a mais no placar

São competições, adversários e situações diferentes, é verdade. Mas terá Tite a mesma capacidade que Muricy Ramalho aparenta ter para blindar seus comandados?

Sim, porque depois da vitória de ontem, o que resta ao treinador colorado, além de estudar taticamente a partida de volta, é conter o oba-oba.

Ontem, para variar, o Inter chegou ao gol graças ao trio de ouro. D'Alessandro lançou Nilmar. Nilmar sofreu pênalti. Alex cobrou, e marcou.

E, mesmo com um homem a menos (logo Guiñazu, o pulmão do time), o Colorado não passou por apuros em nenhum momento. Como deveria ser, aliás. Até porque a equipe joga com uma linha de quatro zagueiros mais um volante que não sai para o jogo. Ou seja, são cinco jogadores mais o goleiro encarregados exclusivamente em marcar, marcar e marcar.

4 comentários:

Filipe Araújo disse...

ótimo início de decisão para o Colorado!

Saludos!

http://gambetas.blogspot.com

Daniel Reiner disse...

Parabéns ao Internacional,campeão da Copa Sulamericana'2009!

Forte abraço!

Sobre o Futebol Carioca disse...

o alex é o principal jogado do inter

carlos pizzatto disse...

O Alex, para mim, é o principal jogador do Brasil.

Digo mais, é um dos principais do mundo.

Ou alguém duvida que, na temporada 2008, ele jogou muito mais que muito jogador que está na lista dos 30 melhores da FIFA?