terça-feira, outubro 30, 2007

O primeiro grande negro

José Leandro Andrade foi o primeiro homem de pele preta a pisar nas gramas verdes da Europa.

E uma boa primeira impressão deixou.

À frente da Azul Celeste, comandou a equipe campeã dos Jogos Olimípicos de Paris, em 1924.

Foi o melhor jogador da competição.

E antes mesmo de Fausto, foi chamado de "Maravilha Negra" pela imprensa francesa.

E antes mesmo de Kérlon, como registra Eduardo Galeano, em uma das partidas, atravessou metade do campo com a bola dominada na cabeça (uma espécie de foca dos anos 20).

Andrade ainda foi campeão das Olimpíadas de Amsterdã, em 1928, e da Copa do Mundo de 1930, além da Copa Sul-Americana de 1926 e 1926.

No Uruguai, berço do futebol sul-americano, nasceu, a 30 de outubro de 1901, o negro Andrade, primeiro grande ídolo internacional futebolístico.

E no mesmo Uruguai, em Montevidéu, morreu, a 5 de outubro de 1957, tuberculoso, e miserável.

*Uma fonte traz 1º de outubro como sua data de nascimento. Outra, 30/10 (hoje). Uma terceira, 20 de novembro. Se for dia 1º, está prestada a homenagem com (um belo) atraso. Se for dia 20 de novembro, com (uma bela) antecedência. Se for hoje, (com uma bela) precisão.

11 comentários:

Anônimo disse...

Una gran felicidad aguarda para los Argentinos que van la ganhar copa del mundo 2014 em brazil.
Brazucas preparen mucho bien la copa de 2014, para que nosotros vamos la triunfar en sus campos y hacer usted calar boquita con nuestro gran triunfo.
La verdad acá no sabiemos si brasileños teran tamanã condición de hacer la copa de 2014 devido la gran violência que es brazil y falta de condición física de sus estruturas que son muy precárias de um país muy pobre. Más si for realizar de verdad Ya estoy juntando plata para ir…ojala les cagemos el mundial a los brazucas, que lo organizan para ganarlo
Brazucas Imaginense que se cruzan Brasil y Uruguay en esa copa…mamita, lo que va a hacer ese partido….
Lula prometio que va a dejar de tomar whisky y que con el dinero que se ahorren con esa medida construiran un nuevo estadio; asimismo, partes de las ganancias del mundial seran destinadas para financiar un transplante de lengua para Pele, porque parece que la lengua de Pele esta demasiado gastada de tanto chupar ortos…
Saludo
Esteban Crutille
cordoba

Ricky_cord disse...

É preciso banir de uma vez por todas o racismo do futebol.

Leonardo Serafim disse...

Se o Uruguai tivesse jogado em 34 poderia ser tri-campe�. Mas acho difiil, ja que a Copa foi na It�lia e tinha o Pozzo como tecnico e o Meazza no time

Bruno Silva disse...

Belo post, Carlos!
Todo mundo deveria ter "historia do futebol" no mobral.
Parabens pelo otimo conteudo!

PS: So corrija esse trecho: "Copa Sul-Americana de 1926 e 1926."
Normal acontecer essas coisas.

Abracos!

carlão disse...

E tinha Mussolini nas tribunas, Leonardo.

carlão disse...

É verdade, Bruno. É 1923 e 1926.

Raissa Póvoa disse...

justa homenagem!
É sempre bom ver um negro triunfar!
so assim o preconceito pode ser amenizado

Felipe Leonardo disse...

Bela homenagem, Carlos.
O Uruguai pode ser considerado como a primeira grande seleção da história do futebol.

Abraço,
Felipe Leonardo

Filipe Araújo disse...

detalhe para a "jogada da foca". tenho certeza que não foi o kerlon quem inventou. mas no futebol é assim. tudo se copia...e em tempos de marketing, alguns se aprioveitam para posarem como "criadores".

abrazo, carlão!

Marcelo Sant´Ana disse...

Bota 20 de novembro, dia que nasci.

rsrs

Abraço!

http://www.blogdomarcelosantana.futebolbaiano.net

Tatuaje de Artigas disse...

No solo fue la prinera estrella negra del fútbol si no que en una encuesta de France Football quedó como el 6° jugador de la historia del fútbol, además de haber ganado la medalla de oro en Francia 1924, el negro Andrade se quedó a vivir un tiempo ahí, cantando tangos, bailando y atendiendo a cuanta señorita se cruzaba en su camino.
Saludos y gracias por recordar a la primera estrella negra y primer metrosexual(?) del fútbol. Jose Leandro Andrade. "Maravilla Negra"