domingo, agosto 03, 2008

São Paulo, de André Lima, goleia Vasco

Mesmo sem Borges e Miranda (machucados), Hugo e Zé Luis (suspensos), e Hernanes e Alex Silva (seleção olímpica), Muricy conseguiu escalar um time altamente competitivo e técnico.


Na zaga, Rodrigo fez dupla com André Dias, e nas laterais, Éder com Richarlyson. A linha defensiva foi segura, já que o Vasco não exigiu tanto dos donos da casa.

No meio-campo, Jean, garoto da base, que jogou muito bem, foi o único volante volante do Tricolor. Jorge Wagner e Joílson atuaram um pouco à frente. No meio-ofensivo, Éder Luis comandou o flanco direito do campo, e Dagoberto o esquerdo. Por fim, de centro-avante, o estreante do dia: André Lima.

Quando foi anunciado o empréstimo de André Lima por um ano, apostei aqui no blog que ele seria goleador no São Paulo. Muitos leitores torceram o nariz, fizeram vista grossa e disseram que ele seria banco. Talvez seja. Se Borges voltar matando a pau como estava, André pode ser banco, sim. Mas depois da estréia de hoje - 2 gols na vitória de 4 a 0 (outros dois de Rogério Ceni, falta e pênalti) -, Muricy Ramalho vai dormir com uma saborosa pulga atrás da orelha.

São Paulo 4 x 0 Vasco, gols:

2 comentários:

Leandrus disse...

Tudo bem que uma goleada em cima do Vasco não serve de parâmetro (ô defesa ruim!), mas eu concordo: esse André Lima pode dar muito certo no SP (maldito Hertha Berlin, que joga numa super retranca e sacrifica os atacantes...).

Marcelo Bloc disse...

Goleada atípica. Não que o São Paulo não tenha time para golear o cambaleante Vasco (até tem, apesar de não ser um São Paulo como o das últimas temporadas), mas a goleada foi atípica.

Ora, ambos os gols do André Lima foram em posição de impedimento. Somado ao pênalti absurdo que aquele 'zagueiro' vascaíno cometeu... Mas o São Paulo é isso aí, vai aos poucos chegando e...