quarta-feira, agosto 15, 2012

Possível United com Van Persie

No amistoso com o Barcelona, há uma semana, Sir Alex Ferguson escalou os Red Devils no 4-4-1-1, com Welbeck batendo de frente com Busquets (confira aqui). Por dentro, os "volantes" foram Scholes e Anderson. E pelas beiradas, Nani e Young. Na segunda etapa Welbeck foi substituído por Kagawa, que atuou na mesma posição.

Confirmada a transferência de Robin van Persie do Arsenal para o Manchester United, por 24 milhões de libras, a dúvida que me surge é se o holandês, sem a bola, voltará para compor o meio-campo, como fizeram Welbeck e Kagawa diante do Barça, num 4-4-1-1, ou se ele formará uma dupla de ofício com Rooney, num 4-4-2 em linha bem definido. Na minha prévia, fico em cima do muro.



Pela faixa central, escolhi Carrick e Anderson. Mas é discutível. Scholes, Fletcher, Smalling e até mesmo Giggs brigam pelas vagas. Contudo a dupla de "volantes" não é o foco deste post, mas sim as alternativas para os flancos do campo. Aqui, optei por Nani e Kagawa.

É sabido que o japonês joga e rende mais por dentro. No entanto, com Van Persie e Rooney no ataque - independente de Van Persie voltar para compor a meia cancha ou não -, o camisa 26 deve ser deslocado ao canto. Destro, Kagawa pode agregar qualidade à armação vindo da esquerda, se infiltrando pelo centro, encostando nos atacantes e entrando na área.

Pelo outro lado, Nani pode ser mais eficiente fazendo o corredor, local do gramado por onde está acostumado a avançar. Todavia, Young pode ser titular, no lugar de Nani ou de Kagawa. A única certeza é que Rooney e Van Persie, evidentemente, serão os caras da frente.

Seja como for, com a chegada de RvP, Alex Ferguson tem em mãos um elenco fortíssimo, capaz não só de conquistar a Premier League, mas também a Champions. É preciso, porém, esperar os treinos e as partidas oficiais para ver qual o onze ideal, e qual a distribuição tática mais indicada. Posso estar enganado, mas, hoje, o que me vem à cabeça é esse time da prancheta.

No Twitter. No Facebook.

6 comentários:

Michel Costa disse...

Tenho a impressão que Van Persie será o homem mais adiantado do United, Carlos. Com isso, imagino o time de Ferguson atuando num 4-4-1-1 com Rooney atrás do holandês. A princípio, também vejo Kagawa como reserva do inglês.

Abraço.

Pedro Caldas disse...

Só falta um goleiro para o UTD virar o time da temporada. Kagawa deve ser reserva, no primeiro momento, e ganhará espaço no decorrer da temporada. O MAN deve ser, em princípio, este: De Gea, Rafael, Vidic, Ferdinand e Evra; Carrick, Schols, Nani e Young; Rooney e Van Persie. Rooney deverá alternar de posição com o holandês, durante os jogos.
Que timaço!

Daniel Creão disse...

Eu sei que é pedir demais do SAF, mas temos um elenco pra mudar nosso esquema, abandonar esse 4-4-2 ingles. Ainda mais com tanto time jogando em 4-3-3, sempre perdemos a batalha do meio campo (pra Barcelona e City especialmente e passaremos a perder pro Chelsea tb)

Acho que é hora do United mudar pra um 4-3-2-1.
A cozinha todo mundo sabe qual é.
No meio, Carrick e mais 2 entre Scholes, Cleverley, Fletcher, Anderson e Giggs, dependendo do estado deles.
Na frente, Kagawa, Rooney e RvP alternando entre meia ofensiva e ataque, confundindo a marcacão.

Perderiamos poder pelas pontas, mas ganhariamos muito poder de controle do meio campo e capacidade de municiar o ataque. Alem do mais, não tem porque ficar cruzando bola pra esses atacantes, eles jogam pelo chão e em velocidade.

Pedro Caldas disse...

Carlos, é você quem prepara essas pranchetas virtuais? Como funciona?

Carlos Pizzatto disse...

Eu mesmo, Pedro. Photoshop.

Pedro Caldas disse...

Tem que baixar um programa, como é?