domingo, julho 12, 2009

Grêmio bate Corinthians com classe

O resultado deste domingo no Olímpico mostra duas coisas: que em casa a praxe é o Grêmio somar três pontos, e que o Corinthians não é invencível (pelo menos não sem sua dupla de zaga titular).

Com duas jogadas às costas de Alessandro (uma com Fábio Santos, que cruza para a conclusão de Alex Mineiro, e outra com Adílson, que cruza para a cabeçada de Jonas), o Tricolor fez 2 a 0 em apenas vinte minutos de jogo.

Até então o Timão contava com onze atletas em campo. Contudo ainda no primeiro tempo, aos 29, Jean foi expulso. Pouco depois, aos 37, Rafael Marques balançou a rede alvi-negra após cruzamento de Souza, claro, de cabeça. As jogadas de linha de fundo e aérea do Grêmio estão redondinhas.

Na segunda etapa, mesmo com um a menos no gramado, o Corinthians até que melhorou. Mas o 3 a 0, o chamado placar clássico, àquela altura era irreversível. Maduros e confiantes, os anfitriões souberam levar a situação até o apito final a toques de bola conscientes e envolventes.

Vale ressaltar que os jogadores que marcaram os gols do Grêmio são, em tese, reservas. Em tese só pelo camisa 9, porque Jonas é o quarto atacante do elenco e Rafael é o suplente imediato de Réver ou Léo.

O fato é que na prática a equipe de Paulo Autuori cresce a cada dia. E logo logo o G4 vai ficar pequeno.

Um comentário:

Blog do Deco disse...

Falam que o Corinthians é o melhor time do Brasil. Não vou entrar no mérito, mas que não tem Elenco, isso eu tenho certeza! Hoje, sem a dupla de zaga, viram o que aconteceu né? imagina se perderem Elias, Chicão e + 1??? A casinha desaba rapidinho!! Espero sua visita! Abs!