quarta-feira, julho 22, 2009

O novo meio-de-campo do Corinthians

Primeiro Cristian e André Santos. Agora Douglas. Segundo alguns sites, entre eles o Lancenet, o camisa 10 do Corinthians vai para Dubai.

Imaginava que o Timão fosse vender uns dois titulares, mas ao que parece mais gente vai sair.

Confirmada a saída de Douglas, e considerado o elenco de momento do clube paulista, visualizo o miolo da nova meia-cancha corintiana assim:



Edu é volante, somente os treinos e as partidas irão dizer se ele tem condições de atuar como meia. Mas como estes caras graúdos que voltam da Europa arrebentam no Brasil, não vou me surpreender se ele se tornar o novo 10 alvi-negro (tipo o Zé Roberto no Santos, embora, para mim, Zé seja mais bola que Edu).

Se Mano manter o 4-2-3-1, e acredito que manterá, Jucilei, Elias e Edu podem formar o meio-de-campo. Evidentemente que eles não apresentariam o mesmo entrosamento que Cristian, Elias e Douglas, que vêm jogando juntos desde o ano passado. Por isso uma provável oscilação no desempenho da equipe será mais que compreensível.

Esta na prancheta é apenas uma opção (talvez com Elias na esquerda e Jucilei na direita, depende do rendimento) entre outras que devem passar pela cabeça de Mano Menezes. Resta-nos aguardar para ver.

6 comentários:

Bruno Zanette disse...

Opa, de volta ao Photoshop Carlão? rsrsrs

Abraço!

Alexandre Leão disse...

O Cristian e o André Santos receberem proposta do futebol turco tudo bem
O Douglas receber proposta dos Emirados Árabes ainda vai.
Mas o Ronaldo receber proposta do cinema iraniano é demais.

Tomara que o Corinthians consiga montar algum time descente para o final do Brasileiro e para a Libertadores do ano que vem.

http://alexandreleao.wordpress.com

Felipe - nossofutebolfc@gmail.com disse...

Carlão,
Acho que o Jucilei não fará parte do meio!
add meu blog:
http://www.nossofutebolfc.blogspot.com

joao rodrigo disse...

o que vc espera do curintia com as saidas? douglas ta indo e felipe tbm..

Carlos Pizzatto disse...

Se Felipe sair, será a maior perda, no sentido de não conseguir repor à altura. Na minha opinião.

Nicolau disse...

Imaginei um primeiro volante - o melhor marcador entre os três - e dois meias indo e voltando, fazendo dupla com os meias mais avançados. Isso se nenhum dos três conseguir cumprir a função do Douglas. Mas prefiro a sua opção.