quarta-feira, março 11, 2009

Grêmio vence e Celso respira

Celso Roth sabia que o Boyacá joga com um só atacante. Por isso abriu mão dos três zagueiros e escalou Réver como cabeça-de-área.

Adílson - que foi muito bem, diga-se - e Tcheco atuaram como volantes. O camisa 11 é uma boa alternativa para desafogar o jogo pelo lado esquerdo.

Souza, se movimentando por tudo como sempre, completou o losango do meio-campo um pouco atrás de Jonas e Alex Mineiro. É comum que os atacantes busquem as pontas para jogar com os laterais e automaticamente abrir espaços para a progressão e os tiros do 8.



O saldo da partida na Colômbia é positivo.

Ficou nítido que o Grêmio pode variar entre o 3-5-2, com Réver na sobra ou de líbero (como faz Edmílson no Palmeiras), e o 4-4-2, com Réver de cabeça-de-área. Desta maneira Tcheco e Adílson têm mais compromissos ofensivos.

Qual a melhor formação? Depende das características do adversário.

O fato é que o Grêmio foi bem nos dois jogos que fez pela Libertadores. A queda de Celso seria injusta e pouco inteligente.

No entanto há de se registrar o baixo aproveitamento do ataque: um gol em 180 minutos.

3 comentários:

gerson disse...

Carlão, tb acho furada trocar agora. Primeiro pq não tem ninguém melhor no mercado. E segundo pq mexer no meio da competição é brabo.
E o time do Grêmio não é grande coisa, como mostrou no gre-nal, onde ficou evidente a gritante superioridade técnica do Inter, mas bem armado pode fazer uma boa libertadores, pois são poucos os times tecnicamente qualificados.
O problema é que quem estudar o Grêmio logo notará que anulando-se o Souza o time para. Foi assim na maior parte do tempo do gre-nal, quando o Sandro colou no Souza. Só que poucos times tem um marcador que sabe marcar firme e sem fazer falta como o Sandro.
tuas análises táticas estão cada vez melhores. Qdo fores treinador me chama pra ser teu assistente técnico. Eu me responsabilizo pelo treino de fundamentos e posicionamento de zagueiros, volantes e laterais, hehehe.
Abraço

Vinicius Grissi disse...

O Jonas foi uma vergonha! Perdeu gols inacreditáveis. O Grêmio faz uma boa campanha na Libertadores, mas a pressão tem atrapalhado demais o time.

Matheus Wink disse...

Olá, Carlão.

Como você faz esses esquemas sensacionais e de ótima qualidade gráfica no verdadeiro estilo "Futebol de Botão" aqui em seu blog?
Estou tentando fazer algo do tipo no meu blog, no qual também falo sobre futebol.
Agradeceria muito se você me desse algumas dicas...
Abraço