sexta-feira, setembro 07, 2007

Sábado sensacional

VASCO X SÃO PAULO

É o jogos dos invencíveis. O Vasco da Gama não perde, em São Januário, há um ano. No Brasileirão, é o único mandante que não perdeu (2 empates e 9 vitórias). É mandante mandate. Falar mais o quê?

O São Paulo está há 12 jogos sem perder. Não sofre um gol há 8 partidas. Tem a melhor defesa: 7 gols em 24 jogos. É o visitante mais indigesto (1 derrota, 4 empates e 7 Vitórias). Falar mais o quê?.

INTERNACIONAL x FLAMENGO

Ao contrário do dono da casa, o rubronegro carioca está em ascensão. O Flamengo vem de vitória sobre o Figueira no Maraca (4 a 1), e, se vencer o Inter no Beira-rio, chega aos mesmos 32 pontos do Colorado.

O Inter vem de derrota para o Santos na Vila (2 a 1). E vende vontade. O time jogou bem contra o Peixe, merecia no mínimo a vitória, que não veio. Adriano está mais titular do que nunca. Pode voltar Fernandão, Iarley, Pato ou Claudiomiro, que Adriano não sai do time. Joga bem mais que Afonso e Vágner Love, por exemplo.

FIGUEIRENSE x ATLÉTICO-MG

O alvinegro praiano de Santa Catarina está com um pé na zona de rebaixamento e o outro na casca de banana. Para piorar, está sem o treinador Mário Sérgio, demitido. Para piorar ainda mais, o melhor jogador do time, Felipe Santana, está suspenso pelo terceiro amarelo e não entra em campo.

O alvinegro mineiro vai à Floripa a trabalho, não a passeio. E pega o Figueira, sem querer querendo, com um olho na Raposa, próximo adversário do Galo. Um vitória dará moral para o clássico no Mineirão.

SANTOS x JUVENTUDE

O alvinegro praiano, legítimo, ganhou do Inter na rodada anterior com bela atuação de Kléber e péssima de Petkovic. O lateral, que está nos EUA, será substituído por Carlinhos. O sérvio Pet joga. Mas nem Pet, nem Kléber nem Luxa são os destaques do Santos. Kléber Pereira está jogando o fino. Centro-avante nato. Dos bons. Joga bem mais que Afonso e Vágner Love, por exemplo.

O alviverde de Caxias vem de três vitórias seguidas (Goiás, América e Cruzeiro). Vai ser difícil emplacar a quarta, pois o jogo é na Vila. O time ainda está na zona de rebaixamento, e empate não é bom para ninguém. Mas um pontinho contra o Peixe, em Santos, não seria de todo mal.

CRUZEIRO x GRÊMIO

Para apagar de vez a derrota em Caxias do Sul, nada como vencer o tricolor gaúcho para ganhar três pontos e moral para o clássico contra o Galo. Mas fácil não será. Apesar do Grêmio ter um aproveitamento como visitante que deixa a desejar, o time de Mano, mesmo sem a dupla de laterais Bustos e Hidalgo (cedida às seleções de seus países), vai fazer jogo duro, não há dúvida. E, se ganhar, virá com tudo para cima do Inter, no Grenal da 26ª rodada. Se perder também. Grenal é Grenal.

Do outro lado, Júnior, que não gosta de ser chamado de Dorival (é compreensível), ainda está suspenso e verá o jogo das arquibancadas. O melhor ataque do campeonato, com seu forte meio campo e sua rápida dupla de ataque (com Alecsandro, que joga mais que Afonso e Vágner Love, por exemplo), promete infernizar os visitantes. E, claro, um olho no Grêmio, outro no Galo. Vitória aumentará a confiança para o clássico contra o rival.

Um comentário:

carlão disse...

"O time jogou bem contra o Peixe, merecia no mínimo a vitória, que não veio."

Na verdade, é empate, e não vitória.