quinta-feira, maio 31, 2007

Recopa para reerguer

O Pachuca, hoje, é o melhor time mexicano. Já está garantido no Mundial da FIFA, por ter vencido o torneio classificatório da Concacaf, além de ter recém conquistado o título nacional.

Os clubes mexicanos (não os times reservas na Libertadores) são muito fortes, não somente economicamente, mas também tecnicamente. Conseqüentemente, o time mais forte do México, o adversário do Inter nesta noite, é fatalmente perigoso.

Só para contrastar, o Inter passa por uma péssima fase, tendo feito três jogos no Brasileirão, conquistando suadas três derrotas. Nem vem ao caso ficar lembrando da eliminação antecipada do Gauchão e da Libertadores. Basta pegar o momento atual, para desanimar os colorados e animar os torcedores do Pachuca (e os gremistas, é claro).

O jogo é às 23h30, horário de Brasília, no México.

O campeão mexicano vem mais que embalado.

Caso o campeão do mundo não consiga um bom resultado na Recopa, pode embalar (ladeira abaixo).

4 comentários:

Arthur Virgílio disse...

Se Gallo voltar com uns três gols pesando na sua bagagem pode começar a ficar complicada a sua situação a frente do clube.

Sinceramente não creio, em um bom resultado colorado, hoje, no México.

Dassler Marques disse...

Oi Carlão, obrigado cara!

Só acrescendo, o Pachuca tbm é o atual campeão da Copa Sul-Americana, conquistada dentro da casa de um forte Colo Colo em 2006.

te adicionei tbm!
abs,
Dassler

carlão disse...

Sim, tanto é que está na Recopa 2007.

Abraços!

André Augusto disse...

Pachuca amplo favorito. O Inter não é mais o mesmo...