sábado, junho 16, 2007

Empate suado

Nada como uma jogada após a outra.

No comecinho do segundo tempo, Pinga sofreu falta dentro da área. Pênalti. Bruno caiu para seu lado esquerdo, Alex cobrou no lado direito. Direto pra fora.

Aos 19 minutos, o mesmo Alex fez linda jogada, passou por dois, três flamenguistas, e sem ângulo, tocou de canhota para as redes. 1 a 0 Inter.

O técnico do Flamengo tirou um homem defensivo em troca de um ofensivo. O técnico do Colorado fez o contrário.

O Flamengo cresceu, foi pra cima e conseguiu o empate. Ronaldo Angelim, de cabeça, marcou para o Mengão. 1 a 1.

Aos 41, Adriano, em outro belo gol, fez o da virada colorada. Flamengo 1 x 2 Internacional.

Três minutos depois, o time da casa empata, de novo, com Juan, num toque de categoria com o pé esquerdo, dando números finais à partida: 2 a 2.

Se o primeiro tempo foi fraco, sem graça e sem sal, o segundo foi - se não brilhante tecnicamente - agitado e emocionante, principalmente nos últimos minutos.

5 comentários:

gerson sicca disse...

Só o Inter mesmo, deixar a vitória fugir daquele jeito. Assim não vai conseguir muita coisa. O time tem q ter mais personalidade para segurar o resultado.

Arthur Virgílio disse...

O Alex foi do inferno para o céu e o empate teve gosto amargo para o colorado.

A nação rubro negra conta os dias pela volta de Obina. Quem diria que o folclórico atacante estaria fazendo tanta falta.

Sidarta disse...

O Flamengo que se cuide, agora que Santos, GRêmio e Inter voltaram de vez ao brasileiro.

Anônimo disse...

É impressão ou vc deixou de frescura e passou tratar o Colorado com o repeito que ele merece e exige? Antes tarde do que nunca, né mané?.. aliás, nada como levar uma biaba (Boca e outros) pra baixar a bola, né?

carlão disse...

É impressão. Sempre tratei e trato TODOS os clubes com respeito.