sexta-feira, junho 29, 2007

Paciência

A frieza e a calma dos hermanos me causam inveja.

A Argentina não foi superior ao ponto de enfiar 4 a 1 nos Estados Unidos.

Mas enfiou. De virada.

Graças à paciência dos argentinos.

Os gremistas que me perdõem, mas a seleção argentina me lembrou muito o Boca Juniors, no sentido de cadenciar o jogo, de cozinhar o adversário, de não se apavorar nem mostrar ansiedade na busca pelo gol.

A impressão que dá é que eles sabiam, no jogo de ontem, que o gol, cedo ou tarde, iria sair. Os gols, no caso. E sairam. Duas vezes Crespo, uma Aimar e uma vez Carlitos Tevez.

Apesar do jogo ter sido bastante fraco, principalmente no primeiro tempo, o tango acabou superando o blues com facilidade.

Sempre com a cabeça no lugar e com a bola no pé, os argentinos mostraram que um jogo se ganha em noventa minutos. E que não adianta se afobar.

Veja aqui os gols da partida:

Um comentário:

Bruno disse...

Os argentinos estão com tudo nessa Copa América. Tudo bem que não jogaram um bom futebol, mas jogaram o suficiente para meter quatro gols. Fez o que o Brasil não conseguiu durante todo o jogo, os hermanos fizeram sua obrigação, pq eles, diferente de nós, estão sempre dispostos a servir à seleção...