sexta-feira, setembro 26, 2008

Desequilibrado, Inter traz empate do Chile

Faltou equilíbrio ao Internacional no jogo de ontem contra a Universidad Católica do Chile. O Colorado jogou bastante pelo meio e pela esquerda, mas deixou o lado direito a ver navios.

Pelo setor direito, Rosinei ficou encarregado de marcar e de se projetar solitariamente à frente. Vez ou outra, ou Ricardo Lopes subia para apoiá-lo, ou o centro-avante Adriano vinha buscar o jogo. Daniel Carvalho e Andrézinho, que em tese deveriam cair também por ali, pouco apareceram.


No intervalo Tite trocou Edinho por Magrão. E na metade da segunda etapa, Rosinei deu lugar a Ramón. Porém a mania de ignorar a ala direita continuou.


Pelo flanco canhoto e pelo centro o Inter chegava ora com Daniel Carvalho, ora com Tayson - que eventualmente invertiam seus posicionamentos -, além dos avanços de Marcão. Já o flanco destro colorado só existia quando Adriano se afastava da área e vinha buscar o jogo, já que Andrézinho, mesmo posicionado naquela faixa do gramado no segundo tempo, fazia a bola pouco rolar por aquele lado.

Não sei se esse vício de jogar pelo centro e pela esquerda foi uma orientação de Tite. Se foi, o técnico colorado se equivocou, porque não havia nenhuma galinha dos ovos de ouro no lado direito na defesa da Universidad Católica. E tanto Tite equivocou-se que, a sete minutos do fim da partida, o Internacional conseguiu chegar ao empate num contra-ataque puxado por Adriano, em umas das raras subidas pela direita.


A exemplo de Palmeiras e Atlético-PR, o Inter entrou com o time praticamente reserva, trouxe na bagagem um importante empate, e tem tudo para se classificar às quartas-de-final da Copa Sul-Americana.

2 comentários:

Saulo Milleri Biral disse...

Foi um empate muito importante diante do Universidad Católica no Chile. Agora, tem muitas chances de se classificar para a próxima fase no Beira Rio.
Só o meu foguinho está caindo de produção.

Vinicius Grissi disse...

O empate foi ótimo para o Inter. Minha análise da partida ficou devendo um pouco, porque tava difícil enxergar alguma coisa. No lado direito então, nem se fala...