terça-feira, setembro 09, 2008

Lucas entra. Para não sair mais

Ao que tudo indica, o esperado vai se confirmar: Lucas será o companheiro de Josué no meio-campo defensivo do Brasil contra a Bolívia, nesta quarta, no Engenhão.


Lucas é mais jogador que Gilberto Silva e Josué juntos. O ex-gremista tem o mesmo poder de marcação que os dois (se não tiver mais), e tem mais qualidade na visão de jogo, no passe, na saída de bola, na projeção à frente e no arremate de longa distância.

Contra a Bolívia Lucas pode ser utilizado como primeiro ou como segundo volante. Ele desempenha as duas funções com mais eficácia e eficiência que Josué. No entanto a Seleção ganhará muito ofensivamente se Lucas for o volante que sai mais para o jogo.

Sai mais para o jogo, mas não sai mais da Seleção. Seja como for, mais preso ou mais solto, Lucas vai aos poucos cravando seu espaço na seleção brasileira. Vale lembrar que ele está com moral com Dunga em função de ter ido bem nas Olimpíadas. Se mostrar serviço na principal, dificilmente sairá do time.

3 comentários:

Guillermo disse...

Nã, nã, não... Lucas é ex-jogador do GRÊMIO, mas não ex-gremista. Ele será gremista SEMPRE...

Ele é "apenas" mais um dos heróis da Batalha dos Aflitos que ficará sempre marcado nas nossas lembranças.

DÁ-LHE GRÊMIO!!!

Vinicius Grissi disse...

O Lucas é bom jogador. Deve sim permanecer por titular por muito tempo. Principalmente com Dunga, que gosta muito do espírito guerreiro do jogador.

Marcelo Bloc disse...

Minha seleção ideal:

JC, Daniel Alves, Juan, Lúcio, Juan Maldonado, Lucas, Hernanes, Anderson, Kaká (Diego como reserva imediato), Robinho (ou R. Gaúcho) e Luis Fabiano.

Ah, seu querido Nilmar, ao meu ver, tem que comer ainda algum capim... E não é birra, já que não suporto o 'mala' Robinho.