quarta-feira, setembro 10, 2008

O que será que será?

Não é saudável criar grandes expectativas.

A Seleção saiu do inferno ao céu em questão de dois tempos de 45 minutos. Bastou um bom jogo para tudo ficar às mil maravilhas. Agora há uma forte convicção coletiva de que o Brasil vai golear a Bolívia: 4, 5, 6 a 0!

Mas será que será tão fácil assim?

Não é por aí. Os bolivianos, ao contrário dos chilenos, não vão dar campo para o adversário. E mesmo tendo ao seu lado ótimos talentos individuais, sempre é complicado furar uma "duas linhas de cinco" da vida.

Criar grandes expectativas é prejudicial porque, se não forem atingidas ou superadas, tornam-se grandes frustrações.

No futebol a lógica muitas vezes é chutada para escanteio. Se o gol da Seleção tardar a sair, a torcida vai se impacientar e o tão esperado baile vai ficar para o próximo carnaval.

Mas se sair um golzinho logo no começo...

4 comentários:

Carlão Azul disse...

Me inclua fora dessa. Não tenho expectativa tão positiva, mas acredito que se, e somente se, o Brasil jogar com a mesma vontade e disposição ganha fácil, não sei se goleia, mas teria até essa obrigação jogando em casa.

Saudações Celestes

SITE/BLOG.....CRUZEIRO: O MAIOR DE MINAS
Sou Cruzeirense - Site
Sou Cruzeirense - BLog
ENTREM E SINTAM-SE A VONTADE

Guilherme Dias (Náutico) disse...

Acho Que o Brasil Vence Facil, so Acho Ruim Que com Essas Duas Vitorias o Dunga Ainda Continua na Seleção.

Net Esportes disse...

Parabéns por esse post, eu li ele ontem antes do jogo e já o comprovei na metade do primeiro tempo de jogo, a verdadeira seleção dos últimos tempos voltou !!!!

gerson disse...

a profecia...