segunda-feira, setembro 15, 2008

Tropeço gremista, triunfo palmeirense

Que era esperado que cedo ou tarde o Grêmio fosse tropeçar em casa, era. Mas, tratando-se do exemplar líder do campeonato, ‘tropeçar em casa’ significava ‘empatar em casa’, e não ‘perder em casa’.

Ser derrotado pelo Goiás, a essa altura da competição, em pleno Olímpico, foi um tropeço maior que a perna.

E o Palmeiras, que igualmente tropeçou feio na rodada anterior (derrota para o Sport no Palestra Itália), nesta aproveitou os ventos a seu favor: buscou três pontos em Belo Horizonte, e agora se refresca à sombra do Grêmio.


E de novo parece que o título voltou a ser disputado apenas por Grêmio e Palmeiras. Pelo menos até a próxima rodada.

2 comentários:

gerson disse...

o ruim pro grêmio é que além de perder o palmeiras foi o vencedor. tivesse sido o cruzeiro seria melhor, pois a raposa tb jogará fora de casa na próxima rodada.
Foi uma derrota inesperada, mas ainda assim o grêmio tem uma vantagem importante. Só não pode perder para o atlético. Se isso ocorrer a coisa pode ficar feia.

Carlão Azul disse...

Na minha modesta opinião, um jogo feio, sem brilho. Estive presente no Mineirão e não vi o Cruzeiro jogar e muito menos o Palmeiras que jogou retrancado. O gol foi bonito, mas foi só isso. Não valorizaram a presença dos torcedores que estavam em mais de 46.000 presentes.

Saudações Celestes

SITE/BLOG.....CRUZEIRO: O MAIOR DE MINAS
Sou Cruzeirense - Site
Sou Cruzeirense - BLog
ENTREM E SINTAM-SE A VONTADE